Inovação

Aumente o lucro e o desempenho de sua empresa implementando BYOD

A inovação é o nosso negócio: não só para inovar o tempo todo, mas também para aprender a lidar com tudo o que é novo e causa impacto positivo em uma empresa. É por isso que hoje vamos falar sobre BYOD, um novo conceito que se tornou tendência pela sua obviedade e que, ao mesmo tempo, nos apresenta desafios e riscos que antes não tínhamos em conta.

Segundo a revista Forbes:

  • O mercado BYOD está a caminho de atingir quase USD 367 bilhões em 2022. (Fonte: BetaNews);
  • 60% dos funcionários usam smartphone para fins de trabalho, enquanto 31% querem um; (Dell);
  • O uso de dispositivos portáteis para tarefas de trabalho economiza aos funcionários 58 minutos por dia e aumenta a produtividade em 34%. (Frost & Sullivan);

Você está pronto para começar a jornada? Vamos então conhecer mais sobre essa tendência que está mudando o mundo dos negócios!

O que é BYOD

É a sigla para “Bring Your Own Device” — em português Traga Seu Próprio Dispositivo —, uma política interna que permite que alguns funcionários de uma empresa usem dispositivos pessoais (smartphone, tablet, notebook, pendrive) para se conectar às redes de sua organização e acessar sistemas relacionados ao trabalho e dados potencialmente sensíveis ou confidenciais. 

Home office

O BYOD já existia como uma tendência, mas foi devido à pandemia e da rápida adoção do Home Office que ele se tornou uma opção principal e começou a evoluir em suas formas e modos.

Por sua vez, o setor de TI começou a sofrer porque, embora seja muito prático para os funcionários, o uso de sistemas, dispositivos, softwares, aplicativos e serviços de tecnologia da informação que são de uso pessoal em um fluxo de informações corporativas cria muitos problemas de segurança.

A importância de BYOD na sua empresa

BYOD representa um salto quântico na redução de custos e aumento de produtividade.  Não é apenas o somatório de despesas que economizamos, mas também uma cadeia de processos logísticos que não são mais necessários e nos deixam um tempo livre para nos dedicarmos ao nosso desempenho.

Vejamos a seguir alguns de seus benefícios e riscos!

Benefícios

Satisfação do empregado

Imagine a felicidade do seu funcionário se ele não precisar trocar de aparelho toda vez que fizer algo profissional ou pessoal. Isso permite:

  • Mais produtividade e eficiência;
  • Mais satisfação e retenção;
  • Melhores acordos de trabalho.

Redução de custos de equipamentos

Outra questão é a redução de custos, pois se você estabelecer uma política em que um novo funcionário já comece a trabalhar naquele sistema, a empresa pode diminuir os gastos de equipamentos e conectividade.

Integração da inovação

E essa é outra vantagem: quando alguém trabalha com seu aparelho, também o faz com seus recursos e novidades. Esses dispositivos costumam ser equipados com as tecnologias mais recentes, criando um ciclo enriquecedor para o setor de TI.

Riscos

Nem tudo na vida são problemas de hackers e vazamentos; também existem problemas de natureza analógica como, por exemplo, um aparelho pode ser perdido ou roubado, ou que um funcionário saia da empresa e consiga um emprego na concorrência. Portanto, a mitigação de erros se resume a três questões:

  • Falhas de segurança;
  • Usuário/funcionário;
  • Dispositivos.

Falhas de segurança:

Segurança é o tema mais relevante neste item: o acesso de dispositivos pessoais à rede de uma organização pode apresentar sérios desafios. E não é só pelos vazamentos - é também pela questão do acesso: dar acesso é muito simples, o difícil é tirar ele a tempo.

A maneira de enfrentar esse desafio é usando antivírus e criando níveis de acesso que exigem senhas para separar o que são informações corporativas das informações pessoais.

Usuários/funcionário

Os usuários são os funcionários; isso envolve recursos humanos e sua interação com os clientes, dados sigilosos e, principalmente, tudo relacionado com a rescisão do contrato e a perda instantânea de acesso a esses dados. É necessário ter uma política muito clara e instalar um sistema que restrinja ações como a cópia de documentos.

Dispositivos

O problema aqui é a diversidade de dispositivos existentes entre os funcionários. É por esse motivo que o processo de implementação do BYOD deve ser progressivo e baseado em um mapeamento dos dispositivos usados ​​pela maioria dos funcionários que irão trabalhar desta forma.

O setor de TI precisa saber que será difícil fornecer um suporte único para todos os usuários.

Segurança para implementar o BYOD

Mas não se preocupe: embora seja um desafio significativo implementar uma política de BYOD com segurança, não é uma missão impossível e, além disso, é um esforço que lhe dará um bom retorno econômico. O protagonista é o departamento de TI, que terá que decidir como homologar dispositivos pessoais e determinar os níveis de acesso.

Para isso é imprescindível definir:

  • Quais dispositivos serão aprovados;
  • Como será o suporte oferecido;
  • Uma política de segurança de dados.

Etapas para implementar com segurança uma política BYOD:

  • Planejamento: definir o objetivo que queremos alcançar e quais setores serão os primeiros a iniciar a mudança.
  • Gerenciamento: a segurança deve ser gerenciada porque os erros são dinâmicos. Não só devemos estar protegidos, mas também criar protocolos de desativação urgente em caso de perda ou roubo de dispositivos.
  • Campanha de comunicação: comunicar as etapas necessárias para começar a trabalhar com o BYOD, os riscos existentes e formas de evitar erros.
  • Definir a política de suporte: o setor de TI deverá criar uma forma de poder dar suporte técnico a todos os equipamentos homologados. Esta política irá especificar:
  • Quais dispositivos serão aprovados;
  • Os termos de segurança de cada dispositivo;
  • Qual será o suporte para cada tipo de dispositivo;
  • Como criar senhas.

O BYOD é uma daquelas tendências que cresce a cada dia e que significa uma mudança substancial no desempenho e na lucratividade de uma empresa, portanto não é uma opção: ou nos atualizamos para novas formas de trabalhar ou seremos deixados para trás em nossa corrida para fazer melhores negócios.

A filosofia BYOD nos apresenta muitos benefícios e um imenso desafio logístico em termos de gerenciamento de segurança. Por isso o grande segredo é saber implementar esse sistema. 

E você? Está pensando em implementar o BYOD ou outras tecnologias inovadoras em sua empresa? Com certeza serão necessárias ferramentas suplementares, como as APIs, para suportar a integração desses sistemas. Não deixe de ler o post ‘Como as APIs ajudam uma empresa a crescer’.